Razões para o setor de segurança migrar para o Push-to-Talk no Celular

Ágatha Ferreira
25 de Outubro de 2021
Tempo de Leitura: 6 minutos
No mundo todo o setor de segurança tem crescido em um ritmo acelerado. De acordo com os relatórios internacionais, o mercado global de segurança pode ser avaliado em US $86 bilhões, com crescimento anual estimado em quase 9%. Estima-se também que 90% dos clientes que fazem uso da tecnologia PTT nos EUA consideram migrar para o push-to-talk no celular.
Por outro lado, em estudo demonstrado por Joseph Grenny e David Maxfield, estima-se que a má gestão da comunicação corporativa pode custar em média US $7.5001 por conversa, devido a perda de recursos, informação e tempo.
O mercado de segurança encontra-se em um momento de consolidação ao adaptar e desenvolver novas tecnologias focadas em serviços digitais, pronto atendimento, comunicação, agilidade e segurança. Tais atributos são de extrema importância para o crescimento e consolidação da área.
image
A intensa competição no setor também está reduzindo os lucros, forçando as empresas de segurança a se concentrarem em soluções mais logisticamente eficientes, reduzindo custos e promovendo interações mais inteligentes e seguras entre as equipes de segurança.
Com o desenvolvimento, cada vez mais comum, de aplicativos dedicados a operações de times externos (ou internos) de prontidão, percebe-se um gap significativo no investimento e adoção de soluções que aperfeiçoem a comunicação entre equipes operacionais e de coordenação. Atendendo a demanda evidente do que o estudo da Joseph Grenny e David Maxfield demonstrou.
Percebendo essa urgente necessidade, o BIPTT surge como uma solução sob medida para sanar a carência do mercado ao oferecer uma tecnologia que transforma qualquer smartphone em um dispositivo de rádio, utilizando redes móveis, sem limites geográficos e permitindo um maior controle na gestão da comunicação das equipes.
image

Dentre suas vantagens estão:

  • Diminuição de conflito de informações
  • Recebimento de mensagens de voz sem tirar a mão do volante;
  • Comunicação mais segura, chamadas não podem ser interceptadas e são criptografadas;
  • Conhecimento da localização de toda equipe, em tempo real;
  • Minimização dos gastos com rádios convencionais;
  • Replay de chamadas;
  • Comunicação de precisão e de prontidão;
  • Personalização das configurações para restringir as comunicações
  • Gravação/histórico de chamadas, que podem ser recuperadas para fins de gestão e auditoria, com todos os dados criptografados, o que impede que outras pessoas tenham acesso às informações.

A expansão da tecnologia push-to-talk no celular, não somente no setor de segurança, já é estimada em 8,5% (pela taxa agregada anual, CAGR) entre 2019 e 2026, além de seu mercado ser avaliado em US $5,7 bilhões até 2026. Não é de se espantar tal crescimento, visto que a estrutura de qualquer segmento empresarial se apoia em uma comunicação inteligente e acessível.
E com o advento do 5G, mais e mais setores encontrarão no PTT over cellular uma solução amigável e eficaz para a otimização das operações, aumento de produtividade e maximização do uso de investimentos já realizados em planos de dados, redes Wifi e aparelhos corporativos (clique aqui para entender mais sobre o 5G
).
Além disso, o modelo PoC fornece mais segurança para seus usuários, visto a crescente preocupação sobre proteção de dados, as decisões em adotar uma plataforma que proteja seus utilizadores é de suma importância.
Portanto, é notável a demanda do mercado em adotar um modelo que substitua os rádios convencionais por um serviço que atenda as abrangências dos dispositivos móveis inteligentes. A tecnologia PoC é pioneira em promover soluções práticas, avançadas e técnicas, tornando assim inevitável sua aderência.
O BIPTT, aplicativo ponte, atua como ferramenta facilitadora para a migração dos serviços push-to-talk no celular. A proposta em oferecer soluções em comunicação instantânea e eficiente em smartphones modifica o mercado corporativo, proporcionando desenvolvimento e expansão tecnológica.
*https://revistasegurancaeletronica.com.br/plataforma-transforma-qualquer-smartphone-em-radio-push-to-talk-e-agiliza-a-comunicacao-nas-empresas-de-maneira-segura/`